20.2 C
Brasil
terça-feira, fevereiro 7, 2023

Loja Sambando

spot_img

Monobloco

Direto das redes

spot_img

Consagrado por incorporar diversos ritmos e estilos musicais à batida do samba, o Monobloco foi idealizado, em 2000, pelos integrantes da banda Pedro Luís e A Parede – Pedro Luís (voz, violão e guitarra), Mário Moura (baixo), C.A. Ferrari, Sidon Silva, Celso Alvim (bateria e percussão). O Monobloco hoje está entre os grupos brasileiros que contabilizam mais apresentações durante o ano todo.

O repertório eclético vai das marchinhas tradicionais de João Roberto Kelly ao samba de Cartola e Clara Nunes, passando pelo xote de Alceu Valença, o forró de Luiz Gonzaga, o funk de MC Leonardo, até canções de Paralamas do Sucesso, Raul Seixas e Tim Maia. No repertório do show, músicas como Taj Mahal, Fio Maravilha, País Tropical e Santa Clara Clareou, de Jorge Benjor; Rap do Real, de Pedro Luís e Rodrigo Maranhão e São Gonça, do Farofa Carioca. A mistura inusitada também está presente na bateria. Aos tradicionais instrumentos de escola de samba – como cavaco, repique, tamborim, chocalho, surdo e agogô – foram incorporados à batucada um baixo e uma guitarra.

monobloco-texto-sambando1Alguns destaques do bloco:

Biguli iniciou sua carreira artística através de um convite de seu amigo MC Máfia, no início da década de 1990. Eles queriam formar uma dupla de MCs e gravaram um CD pela CurtiSom Rio. Em seguida, virou integrante da banda DeRapente, que mais tarde se chamaria Cabeça de Nego. Convidado por Sidon Silva a participar da oficina do Monobloco, ficou lá por dois anos e aprendei a tocar agogô. Sua primeira participação no Monobloco Show foi uma canja que Biguli deu durante uma apresentação no Rio de Janeiro, quando ainda estava com o Cabeça de Nego. Fez ainda algumas participações a convite dos batuqueiros, até entrar oficialmente no Monobloco, em 2006.

Poeta e compositor, começou a ter suas músicas gravadas no início dos anos 90. Nos anos 80 e 90 esteve ligado a movimentos culturais como o Circo Voador, Cobra Coral, Paris 400, Urge, Boato e como diretor musical e violonista do trabalho de Arícia Mess. Pedro Luís já teve composições gravadas por Fernanda Abreu, O Rappa, Ed Motta, Cidade Negra, Adriana Calcanhoto, Ney Matogrosso, Roberta Sá, Maria Rita, Elba Ramalho, Lenine, Lula Queiroga, Miyazawa Kazufumi, Paralamas do Sucesso e Herbert Vianna (em seu disco solo, O Som do Sim). Nos anos 2000, torna-se um dos cantores do Monobloco Show.

Fábio Allman, ou simplesmente Fabão, deu seu start no cenário musical na década de 90, com a banda de rock ‘n roll A Bruxa! Participou de importantes projetos musicais, como: “Eles cantam Rita Lee” (1996), em que interpretava a canção Pirataria; “Dançando em transe – Mr. Groove” (1997); e “Faça tudo o que quiser fazer – A Bruxa” (1998), que contou com Cássia Eller, Nando Reis, Tom Capone, dentre outros. Com Cássia Eller, formou uma grande parceria musical.

Artigo anterior
Próximo artigo
- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Confira também

Leandro Lehart

Leandro Lehart nasceu em São Paulo, no dia 25 de janeiro de 1972 .O Doutor em antropologia Hermano Vianna...
- Você também pode aparecer aqui -spot_img

Você também vai gostar

- Publicidade -spot_img