Portelense de coração, o prefeito Eduardo Paes não só compareceu à reinaguração da quadra da Mangueira, como vestiu a camisa da agremiação. No carnaval, o político deixa rivalidades de lado e desfila por outras escolas, sem ser majestade do samba. O prefeito foi recebido por Carlinhos de Jesus e Chiquinho da Mangueira, presidente da escola.
A Estação Primeira de Mangueira reinaugurou sua quadra, com lavagem das escadarias do Palácio do Samba, a cerimônia foi feita pelas baianas da escola, com água do mar, do rio e de cachoeira, além de água de cheiro. Ainda teve um show com o cantor Reinaldo, o “Príncipe do Pagode”, um show com a bateria “Tem que respeitar meu tamborim”, da Verde e Rosa, regida pelo Mestre Ailton, passistas, baianas, mestre-sala e porta-bandeira. Sambas antológicos da Mangueira foram relembrados na voz de Luizito, intérprete oficial da agremiação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Entre com seu comentário
Por favor, digite seu nome