21.3 C
Brasil
terça-feira, setembro 21, 2021

Loja Sambando

spot_img

Carnaval: O Brasil não inventou, mas adotou!

Direto das redes

spot_img

Carnaval do Brasil: o maior carnaval do Planeta!

Parece até mentira, mas o carnaval não é invenção brasileira.  Porém apesar  de sua origem ser remota à a Mesopotâmia, Grécia e Roma,  séculos antes do Brasil ter sido sequer descoberto, podemos afirmar com certeza que o Carnaval do Brasil é único e diferente de toda festa carnavalesca que acontece no mundo e, não por acaso, o mundo atribui ao carnaval do Brasil, o título de maior do planeta.

Sim, o Carnaval do Brasil é um evento gigante que acontece em todas as regiões do país e movimenta bilhões de reais. Só pra se ter uma ideia a cidade do Rio de Janeiro recebe anualmente  pro carnaval mais de um milhão de turistas!

E porque todo mundo quer vir pra cá? Porque apesar de não ter sido invenção brasileira, o carnaval do Brasil  ao longo dos anos ganhou características únicas que dão a festa uma conotação maior do que a de outros países.

Para se ter uma ideia, no sul da Bélgica Apenas homens nascidos ou que moram há mais de cinco anos na cidade de Binche são aceitos na confraria que desfila durante o carnaval de tamancos, máscaras e roupas com as cores da bandeira do país. O direito de desfilar é como uma ma herança passada de pai para filho há gerações e o festejo se resume a acompanhar o “cortejo” dos Gilles como são chamados, que, carregam cestos de laranja que são lançadas ao público!

Apesar de ter surgido no Brasil a partir da tradição dos Europeus de se fantasiarem em bailes luxuosos, desde o princípio o carnaval brasileiro foi marcado por características únicas: O carnaval de rua por exemplo, começou com o entrudo  e as fantasias inusitadas surgiram a partir de um deboche feito pelo povo com os nobres da época que usavam roupas caríssimas em um baile cheio de formalidades.

A festa do povo obviamente era mais alegre, mais divertida ao som dos tambores africanos, do Jongo, da umbigada, do frevo. Então o melhor foi unir o útil ao agradável e, para organizar foram surgindo os grupos culturais no Recife e Olinda, os grêmios recreativos que se tornariam Escolas de Samba no Rio de Janeiro e os blocos puxados por trios elétricos na Bahia.

O resultado disso: uma festa sem precedentes que toma conta do país inteiro e encanta o mundo, movimentando a economia e reunindo profissionais de diversas áreas.

Dizem por aí que o carnaval de New Orleans- EUA, o “Mardi Gras” tem certa semelhança com o carnaval de rua do Brasil, mas com um pequeno detalhe que faz toda a diferença : eles não tem Samba!

E foi justamente em torno do samba, que o Rio de Janeiro, conseguiu montar a mais famosa festa de Carnaval do Planeta:  A Organização das Escolas de Samba em torno do Desfile das Escolas de Samba em busca do título de melhor Escola a cada ano, emprega milhares de pessoas das mais diversas profissões: de profissionais de publicidade, coreógrafos, artesãos, dançarinos, estilistas, costureiros, músicos e mais uma infinidade de pessoas,  na mais famosa festa de Carnaval dos seis continentes, sem contar o carnaval de rua que também reúne centenas de profissionais e milhões de pessoas.

Outro diferencial do carnaval carioca, principalmente do Desfile das Escolas de Samba é a valorização do povo da comunidade: A nobreza, a elite passou a subir o morro atrás do samba e, no luxuoso desfile da Sapucaí, o Título é da Comunidade.

O estilo carioca de fazer carnaval, se espalhou por diversas cidades brasileiras e, em todas as regiões do país temos no carnaval desfile de Escolas de Samba e Blocos de Carnaval, com destaque para São Paulo que assim como o Rio, conseguiu organizar uma estrutura gigante em torno do Desfile das Escolas de Samba, com transmissão ao vivo pela TV.

No nordeste o Carnaval de Olinda e Recife, regado a muito frevo e marchinhas carnavalescas leva uma multidão para as ruas com shows, fantasias e muita alegria. Em Salvador, uma multidão se diverte nos arrastões de felicidade atrás dos trios elétricos. A peculiaridade da festa baiana fica por conta dos cortejos como dos Filhos de Gandhi que mistura tradições vindas da  fé afro-brasileira com  a festa tida como pagã.

Todos estes festejos,  só demonstram que de fato o povo brasileiro realmente tem o dom para fazer festa e sabe se divertir como poucos povos do mundo. O carnaval aqui é marcado pela diversidade, pela alegria pela mistura de culturas, credos, cores, etnias e gêneros que convivem relativamente em paz: Todo mundo se junta, se mistura,  se diverte e, talvez por isso, o mundo todo se curve diante do nosso carnaval e, todos querem, ao menos uma vez na vida, viver o carnaval do Brasil.

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Confira também

Daniela Mercury

Daniela Mercury nome artístico de, Daniela Mercuri de Almeida (Salvador, 28 de julho de 1965), é uma cantora, compositora, dançarina, produtora. Vencedora de um Grammy Latino, por seu álbum Balé...
- Você também pode aparecer aqui -spot_img

Você também vai gostar

- Publicidade -spot_img