Marcelo Adnet é conhecido pela seu humor satírico e inteligente. Entre suas maiores construções artísticas, estão as marcantes paródias ou mesmo composições que escreve, sempre com um recado bem humorado, principalmente envolvendo personalidades políticas.

A algum tempo Marcelo Adnet entrou para o mundo do samba e passou a compor sambas-enredos, sendo inclusive um dos compositores do samba-enredo “O Conto do Vigário” para o desfile da São Clemente em 2020.

Torcedor do Botafogo, o agora também carnavalesco da Botafogo Samba Clube, Escola de Samba do Rio de Janeiro com sede em Engenho de Dentro, resolveu usar seu talento para homenagear os artistas que morreram vitimados pelo coronavírus.

Mas Adnet não se limitou a isso: Depois de sair fantasiado de Jair Bolsonaro no carnaval 2020, diante das atitudes nada convencionais do Presidente Bolsonaro, Adnet resolveu dedicar um dos versos ao presidente e mandou:

“Alimento-me da arte, não lhe presto continência
clama do céu a voz do amor e da ciência,

você diz “E Daí? respondo em garcia-roza,
você sucumbe ao meu verso e à prosa.”

Confira o samba completo no vídeo abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Entre com seu comentário
Por favor, digite seu nome