Geovana é uma das grandes compositoras de samba brasileiro que ganhou fama na década de 70 após vencer a Bienal do Samba de São Paulo com a canção “Pisa nesse Chão com Força”.

Ganhou o apelido de “Deus Negra do Samba Rock” mas diz não gostar muito do título.
E muita gente por aí que solta a voz com o samba “ô Irene” não sabe que é de Geovana a música que se transformou em um dos mais populares sambas interpretados pelo Fundo de Quintal.

Clara Nunes, Martinho da Vila, Jair Rodrigues, Wilson Simonal são alguns dos nomes que gravaram músicas de Geovana que era presença marcante nos históricos encontros dos grandes nomes do samba no Teatro Opinião no Rio de Janeiro.

O apelido de “A Deusa Negra do Samba Rock” veio em 1975 com o sucesso do seu primeiro LP ” “Quem tem carinho me leva”. Geovana tornou-se referência do Samba rock e do partido alto com canções como “Beijo Sabor Cerejeira”.

Ao longo da sua trajetória, a artista teve músicas gravadas por nomes importantes como, por exemplo, Clara Nunes, Wilson Simonal e Martinho da Vila e participou de importantes momentos históricos como os encontros e apresentações do Teatro Opinião, no Rio de Janeiro, no final da década de 1960.

Em 1987 após lançar o seu segundo cd, Geovana saiu de cena. No início dos anos 2000, mudou-se para São Paulo e começou a trabalhar como segurança numa casa noturna.

A proximidade dos palcos reacendeu a chama que nunca se apagou: Restabelecendo laços com músicos e produtores locais, após 30 anos ela voltou a soltar a voz embora nunca tenha deixado de compor.

Aos 71 anos, Geovana ainda tem muita coisa pra mostrar e, para isso está na expectativa de conseguir através de um financiamento coletivo gravar o seu novo disco “Brilha Sol” com canções inéditas e previsão para lançamento em junho de 2019, quando a cantora celebra aniversário.

O trabalho contará com o apoio dos músicos do Conjunto Tataruê, que acompanha Geovana, além de participações especiais de nomes como Adelzon Alves, Fabiana Cozza, Luiz Grande, Curumin e outras surpresas.

Boas vindas de volta a esta grande artista que sendo uma Deusa Negra do Samba Rock, brilha como o sol!

DEIXE UMA RESPOSTA

Entre com seu comentário
Por favor, digite seu nome