24.7 C
Brasil
quarta-feira, novembro 30, 2022

Loja Sambando

spot_img

50 anos: Velha Guarda da Portela leva o melhor do samba para o Circo Crescer e Viver

A Velha Guarda da Portela tem sua origem em 1970, quando o sambista Paulinho da Viola reuniu os baluartes mais representativos da escola para gravar o álbum “Portela Passado de Glória”.

Direto das redes

spot_img

Majestade do samba carioca, a Velha Guarda da Portela vai se apresentar no picadeiro do Circo Crescer e Viver, dia 30 de setembro, como parte de suas comemorações de 50 anos. Destinada aos portelenses e a quem não dispensa um bom samba, o show celebrará a trajetória do grupo, comemorando também o aniversário de meio século da música “Foi Um Rio que Passou em Minha Vida”, composição de Paulinho da Viola, idealizador do grupo, para a Portela.

A Velha Guarda da Portela tem sua origem em 1970, quando o sambista Paulinho da Viola reuniu os baluartes mais representativos da escola para gravar o álbum “Portela Passado de Glória”. A iniciativa foi tomada para preservar os fenomenais sambas que eram tocados nos eventos da escola e que não tinham registro para além das memórias dos presentes.

A Portela foi a primeira escola a ter uma velha guarda show organizada em grupo musical, abrindo precedentes para a valorização dos integrantes que fizeram história também em outras agremiações. É tempo de celebrarmos a música brasileira em vida – como bradam no hino da Velha Guarda da Portela: “Estamos aí, como vocês estão vendo / Estamos velhos, mas ainda não morremos.”

SOBRE O CIRCO CRESCER E VIVER

Instalados na Cidade Nova desde 2004, o Circo Crescer e Viver desenvolve programas, projetos e atividades nos campos da formação, criação e difusão das artes circenses e performáticas que beneficiam centenas de crianças, adolescentes e jovens. O espaço também tem se consolidado como uma casa de entretenimento ao vivo, acolhendo e apresentando uma variada programação de shows musicais e espetáculos de circo, teatro e dança de diferentes grupos, companhias e artistas.

POLÍTICA DE MEIA ENTRADA

Crianças, adolescentes e jovens com idades até 21 anos; estudantes da rede pública ou privada; idosos com idade igual ou superior a 60 anos; pessoas com deficiência; e professores da rede pública municipal de ensino da Cidade do Rio de Janeiro. É obrigatória a apresentação de documento que comprove o direito à meia entrada, conjuntamente com o ingresso.

SERVIÇO:

Local: Circo Crescer e Viver (Rua Carmo Neto, 143 – Cidade Nova) em frente ao metrô Praça Onze)

Data:

30 de setembro às 20h

Classificação: livre

Ingressos a partir de R$15 (meia). Menores de 10 anos só entram acompanhados dos responsáveis legais.

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img

Confira também

Arlindo Cruz

Arlindo em suas composições, sempre com interessantes soluções harmônicas e melodias trabalhadas, revelam que foram feitas por um músico...
- Você também pode aparecer aqui -spot_img

Você também vai gostar

- Publicidade -spot_img